Outras áreas

Professores

Solange Melo


Técnica de Dança Clássica

Natural de Lisboa, nasceu em 1980. Estudou na Escola de Dança do Conservatório Nacional sob orientação do Mestre Georges Garcia. Ingressou na Companhia Nacional de Bailado em 1998 onde foi promovida a Bailarina Principal em 2012. De 2005 a 2007, foi bailarina Solista no Ballet Nacional da Noruega. Em 2018, juntamente com Fernando Duarte, funda e assume a Direção Artística da Dança em Diálogos – Plataforma Coreográfica. Presentemente frequenta o curso de licenciatura em Bussiness Management da Open University do Reino Unido. É também Professora Convidada em várias escolas de dança em Portugal.


Fernando Duarte

Técnica de Dança Clássica

Natural de Lisboa, nasceu em 1979. Estudou na Academia de Dança Contemporânea de Setúbal sob orientação dos professores Maria Bessa e António Rodrigues. Em 1995/96 foi bailarino estagiário na CeDeCe – Companhia de Dança Contemporânea. Ingressou na Companhia Nacional de Bailado em 1996, onde foi Bailarino Principal. Em 2005/2007 foi Solista no Ballet Nacional da Noruega. De 2011 a 2017 foi Mestre de Bailado, Ensaiador e Coreógrafo na CNB. Lecciona Técnica de Dança Clássica desde 2008. Convidado a participar em conferências sobre Arte e Dança, Fernando Duarte é, também, doutorando em Estudos Artísticos na Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa. Em 2018 funda e assume a Direção Artística da Dança em Diálogos e ganha o Prémio da Dança Anna Mascolo da Mirpuri Foundation.


Connor Scott

Técnica de Dança Contemporânea

Connor nasceu e cresceu no nordeste de Inglaterra e começou, precocemente, por estudar latim e dança de salão aos três anos de idade. Desde então, Connor continuou a desenvolver o seu interesse pelo movimento, e pela coreografia, tendo estudado outras formas de arte, incluindo breakdance e artes marciais.
Desde que se formou na Rambert School, Connor trabalhou com coreógrafos e companhias, incluindo Theo Clinkard, Maxine Doyle e Humanhood, e obteve prémios em competições coreográficas por toda a Europa.
Em 2019, Connor ingressou na companhia irlandesa TeaćDaṁsa dirigida por Michael Keegan Dolan para a criação e digressão da produção ‘MAM’, nomeada para o prémio Olivier.
Recentemente, Connor juntou-se à Companhia Olga Roriz para a sua próxima produção de ‘Insónia’.


Miguel Ramalho

Técnica de Dança Contemporânea

Miguel Ramalho nasceu em 1987 e iniciou a sua formação na Escola de dança do Conservatório Nacional, onde concluiu os seus 8 anos de curso artístico. Ingressou de imediato na Companhia Portuguesa de Bailado Contemporâneo sob direção de Vasco Wellenkamp onde esteve 3 anos e onde dançou alguns dos maiores sucessos da companhia, nacional e internacionalmente. Muda-se então, para a Companhia Nacional de Bailado onde ainda permanece e onde dançou todo o repertório da companhia tanto a nível clássico como contemporâneo. Durante a sua Carreira dançou repertório de grandes coreógrafos nacionais e internacionais como Vasco Wellenkamp, Olga Roriz, Henry Oguike, Edward Clug, Marguerite Donlon, Sasha Waltz, Ohad Naharin, Akram Khan, entre muitos outros. É premiado em 2012 pela imprensa nacional como Bailarino do ano e em 2015, torna-se o primeiro bailarino da companhia a fazer uma residência em África para a criação do espetáculo de Faustin Linyekula “Portrait Series – IMiguel”, a solo. Recebe em 2019, a medalha de honra e mérito da sua cidade e torna-se nesse mesmo ano 1º Bailarino da Companhia Nacional de Bailado. Foi bailarino convidado de vários projectos e durante toda a sua carreira leccionou centenas de workshops e masterclasses por todo o seu país e no estrangeiro. Inicia a sua carreira coreográfica em 2017 para Escola Artística de Dança do Conservatório Nacional e desde então criou variadas obras para as maiores instituições de dança Portuguesas como a Companhia Nacional de Bailado, a Companhia Portuguesa de Bailado Contemporâneo, Quórum Academy, Companhia de Dança Contemporânea de Évora e além-fronteiras para a Illicite Compagnie Bayonne, em França. Em 2019 torna-se o 1º coreógrafo a co-criar uma obra com Vasco Wellenkamp. Para além do mencionado, Miguel Ramalho encontra-se neste momento desenvolver activamente vários projectos independentes em Portugal e fora de portas.


República Portuguesa | Educação